Top 10: Os Melhores Quadrinhos de 2015

Mais um ótimo ano para os quadrinhos se passou. 2015 pode ter sido um ano ruim para diversas áreas, mas os fãs dos quadrinhos não podem reclamar. Materiais inéditos, reedições, coleções em capa dura, muito material independente, Catarse, FIQ, CCXP… Muita coisa!  Mas dentre tudo o que saiu, quais quadrinhos merecem figurar em um Top 10 dos melhores de 2015?

Para ajudar o leitor na difícil tarefa de selecionar o que comprar ou não dentre a enxurrada de títulos publicados no ano que passou, o Pop Up And Away! organizou um Top 10 com os melhores quadrinhos de 2015.

Mas lembre-se, é impossível ler tudo! Por mais que a gente goste de quadrinhos, sempre alguma coisa vai ficar de fora. E é aí que você entra, caro leitor!

Deixe nos comentários o seu Top 10, se concorda ou discorda da lista. Assim aproveitamos também as suas dicas.

o despertar de ze fogueira

#10 – O Despertar de Zé Fogueira de Rainer Petter

Uma emocionante HQ sobre a busca pelo passado perdido e a luta contra os fantasmas internos que insistem em atormentar todos nós. O Despertar de Zé Fogueira é a primeira parte de uma trilogia criada por Rainer Petter, dono de uma arte estupenda que, por si só, já vale a visita. Ficamos na torcida para que seu Zé encontre aquilo que procura.

american flagg

#09 – American Flagg! – Coleção Definitiva – Vol. 1  de Howard Chaykin

Este encadernado traz as 12 primeiras edições deste clássico futurista de Howard Chaykin. Publicado originalmente no início dos anos oitenta, American Flagg apresentao melhor do autor, no auge de sua escrita ácida e irônica. É surpreendente como esta HQ continua atual!

a saga do tio patinhas

#08 – A Saga do Tio Patinhas de Don Rosa

O grande clássico de Keno Don Rosa que conta o passado de Tio Patinhas e como ele levantou a fortuna que o tornou o pato mais rico do mundo foi publicado em um único volume encadernado e em capa dura. A HQ só não obteve uma melhor posição na lista por não trazer a edição definitiva desenvolvida pelo autor e por perder a oportunidade de ter sido lançada a tempo para ser autografada por Don Rosa na CCXP.

petalas_capa

#07 – Pétalas de Gustavo Borges e Cris Peter

A belíssima HQ de Gustavo Borges e Cris Peter sobre generosidade que bateu recordes no Catarse não poderia ficar de fora desta lista. A história, contada sem balões apenas através da bela arte de Gustavo realçada pelas espetaculares cores de Cris resultam em um dos melhores quadrinhos nacionais dos últimos tempos.

concreto nas profundezas

#06 – Concreto Vol.1 – Nas Profundezas de Paul Chadwick

Apesar da aparência bruta e da carapaça rochosa, Concreto é um herói diferente, sensível e filosófico. Paul Chadwick vai contra tudo aquilo que esperamos de uma história de super-heróis e nos entrega uma HQ sensível e reflexiva sobre o que nos torna heróis. A arte em preto e branco de Chadwick prende o olhar em todos os seus detalhes.

louco fuga

#05 – Louco – Fuga de Rogério Coelho

Um dos meus personagens favoritos da Turma da Mônica, o Louco sempre desafiou a lógica e a criatividade em histórias… digamos… loucas! Nesta décima edição da coleção Graphic MSP, Rogério Coelho desafia sua própria imaginação e criatividade em uma bela história recheada de metáforas que visita, entre outras coisas, a criação da própria Turma da Mônica.

Homem_Animal_Evangelho

#04 – Homem-Animal – O Evangelho do Coiote de Grant Morrison. Chaz Truog, Doug Hazlewood e Tom Grummett

Finalmente relançada no Brasil, a obra-prima de Grant Morrison chega em um encadernado contendo as primeiras histórias do celebrado autor para o Homem-Animal, um obscuro super-herói da DC que o tornaria uma lenda entre os escritores de quadrinhos. A HQ que dá nome ao encadernado, O Evangelho do Coiote, recebeu diversos prêmios e é uma das melhores histórias que já li na vida!

apocalipse por favor

#03 – Apocalipse, por Favor de Felipe Parucci

As histórias de Arthur Miró, um homem paranóico de vida tediosa, Anabela, ex atendente de telemarketing sem amor próprio, Jorge, um péssimo namorado e do político corrupto Jesus Correia sem entrelaçam em Apocalipse, por Favor. Felipe Parucci utiliza sua arte incrível e ímpar para nos dar um conto sobre as pequenas tragédias do cotidiano em um mundo cada vez mais insuportável em sua primeira HQ. Já estou no aguardo de sua próxima obra!

um brasileiro chamado ze carioca

#02 – Um Brasileiro Chamado Zé Carioca de Ivan Saidenberg e Renato Canini

Uma das maiores surpresas de 2015, o Zé Carioca de Ivan Saidenberg e Renato Canini, uma das duplas mais criativas e irreverentes dos anos de ouro da produção Disney no Brasil, finalmente ganhou um encadernado à sua altura. Trazendo as primeiras histórias de Saidenberg e Canini para o Zé, este encadernado pode ser o primeiro de uma série que merece ser continuada.

Promethea vol 01

#01 – Promethea – Edição Definitiva Volume Um por Alan Moore, J.H. Williams III e Mick Gray

Finalmente chega ao Brasil a edição definitiva de uma das maiores obras do gênio Alan Moore. Promethea – Edição Definitiva Volume Um traz uma história cheia de símbolos, ocultismo e magia através da palavra afiada de Moore e da arte irretocável de J.H. Williams III. Não se deixe levar pela capa, que não é das melhores, ela não faz jus ao rico conteúdo da HQ.

O ano que passou trouxe, além de muitas novidades no universo dos quadrinhos nacionais e independentes, muitas HQs que não víamos a muito tempo por estas bandas. Se comparado a 2014, o ano que passou mostra um crescimento contínuo do mercado. Que 2016 traga tantas e tão boas HQs!

O futuro é promissor.